Como visitar o Museu do Louvre nos passos de Beyoncé e Jay-Z. Saiba quais são as obras que aparecem no vídeo clipe "Apeshit"

June 26, 2018

RIO - O Louvre recebe, em média, 15 mil visitantes por dia. Nenhum deles com o poder de colocar o museu mais famoso da França em evidência quanto os Carters, como o casal Beyoncé e Jay-Z se apresentaram no videoclipe gravado nas dependências daquele antigo palácio real em Paris.

 


Lançado semana passada, "Apeshit" (primeiro single do álbum "Everithing is love", feito em conjunto pelo casal) tem o museu e seu acervo como cenário. E apresenta uma série de clássicos do acervo do Louvre, do Egito Antigo a Leonardo Da Vinci.

 

Claro que circular pelas galerias vazias e ter um momento a sós com "Mona Lisa" não é para qualquer viajante, mas é possível otimizar sua visita ao museu, sem deixar de lado nenhuma das obras clássicas que aparecem no vídeo do casal.

 

OBRAS QUE APARECEM NO VÍDEO. A cena mais icônica do clipe mostra os Carters em frente à Mona Lisa, como se fosse um quadro em sua sala de estar. Mas outras importantes peças do acervo do museu aparecem no vídeo e merecem a atenção do visitante. Como as esculturas "Vitória de Samotrácia" e "Vênus de Milo".

 

Entre as pinturas que aparecem no clipe, se destacam clássicos do pintor francês Jacques-Louis David como "O juramento dos Horácios", "A intervenção das Sabinas", "Retrato da Madame Récamier" e "A coroação do imperador Napoleão" (em frente à qual Beyoncé se apresentou com as bailarinas). Na ala egípcia, uma das mais completas do mundo, não deixe de parar em frente à "Grande esfinge de Tânis"

 

HORÁRIO NOTURNO. Às quartas e sextas-feiras, o museu fecha às 21h45m (nos demais, o último visitante deve sair às 18h). Nesses horários estendidos o número de visitantes cai consideravelmente - não o suficiente para estar às sós com a "Mona Lisa", claro. Mas já dá para apreciar a obra de Leonardo Da Vinci com muito menos concorrência.

 

VISITA GUIADA. O museu exibe cerca de 38 mil obras em seus 72 mil metros quadrados. Obviamente é uma missão impossível ver tudo em uma só visita. Mas há meios de conhecer o melhor, ou o mais diferente, desse acervo gigante de forma objetiva. Para isso, o Louvre oferece três tours guiados em inglês, com saídas em diferentes horários - para quem fala francês, há muito mais opções de itinerários, inclusive por exposições temporárias.

 

O "Louvre highlits" apresenta, em 90 minutos, as obras consideradas obrigatórias, como "Mona Lisa", "Vitória da Samotrácia" e "Vênus de Milo", assim como apresenta a história do prédio, desde o período medieval. Já o tour "My first Louvre" é recomendado para quem visita o museu com crianças, já que, além das obras clássicas, o roteiro inclui peças que costumam atrair a curiosidade dos pequenos, como as da ala egípcia. E quem já viu o básico pode se juntar ao "Another Louvre", dedicado aos "tesouros escondidos" do acervo, peças pouco badaladas e alas menos movimentadas. Todos têm em média 1h30m e custam 12 euros (adultos). As reservas podem ser feitas na bilheteria do museu ou pelo site.



 



 



 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Instagram ícone social
  • Facebook Social Icon